terça-feira, 2 de março de 2010

Jennifer Jones

Um dos maiores nomes do cinema. Se estivesse viva estaria fazendo 91 anos hoje. Seu verdadeiro nome era Phylis Lee Isley. Assinou um contratro de sete anos com o mega produtor David O. Selznick, o mesmo de "Gone With the Wind" que a escolheu depois que a viu chorar por achar que tinha perdido um papel em um teste que ele realizara. Foi preparada para ser uma estrela. O diretor Henry King ficou impressionado com sua força e a escolheu para viver Bernadette Soubirous em "The Song of Bernadette" que lhe rendeu o Oscar de melhor atriz em seu primeiro grande papel no cinema. A partir dai fez uma bem sucedida carreira cinematográfica nos mais variados personagens como  "Duel in the Su," "Love Is a Many-Splendored Thing", "A Farewell to Arms "e "The Towering Inferno", por sinal seu último filme ao lado de Fred Astaire.
Sua vida pessoal no entanto foi bem conturbada. Enquanto ainda era casada com Robert Walker iniciou um relacionamento com  Selznick. Se separou do primeiro marido que falecera jovem (aos 32 anos) devido a problemas respiratórios. Ela não compareceu ao funeral, nem os filhos que tivera com ele.
Casou com David. O. Selznick e ficou com o produtor até ele falecer em 1965. Tentou se suicidar em 1967 ficando em coma algum tempo, mas se recuperou. A filha que teve com David se matou anos depois.
Em 1971 se casou com o multimilionário Norton Simon cujo filho também cometera suicídio em 1969. Norton morreu em 1993. Foi sobrevivente do câncer de mama e depois da morte da filha se interessou por questões relacionadas à saúde mental. Raramente dava entrevistas e aparecia em público. Uma das últimas vezes esteve presente a cerimônia do Oscar de 1998 ao lado de outros grandes astros premiados. Estava belíssima.
Morreu de causas naturais no fim do ano passado.
Uma verdadeira estrela.

6 comentários:

DO disse...

Lindão,eu realmente ando meio que afastado da blogosfera. Ando num marasmo sem limites,e te confesso que estou me segurando pra não deletar o RAMSES de uma vez. Acho que o prazo do meu blog esta se esgotando. Vamos ver. Abração!

Marcos Eduardo disse...

Adorei o post, meu querido. Realmente, Ms. Jones foi uma das maiores estrelas de Hollywood, mesmo que não seja tão lembrada quanto outras atrizes, mas definitivamente marcou o seu lugar em Hollywood! Ganhadora do oscar por Cancao de Bernadete (achei chiquerrimo ter escrito os nomes dos filmes em ingles!) mas o meu preferido (e vc bem sabe) é Suplicio de uma saudade... inclusive fiz aquele post no meu blog. lembra?! Parabens pela homenagem!

"ARRAZANDO", as usual.

Bjs.

FOXX disse...

nossa
vida conturbada mesmo

ManDrag disse...

Que tenha na morte a paz que parece não ter conhecido na vida.

Beijos

HSLO disse...

Confesso que não conhecia...


abraços


Hugo

Arsênico disse...

Credooo... que vida triste... prefiro a minha insignificância... mas um pouco de PAZ...

Que ela descanse em PAZ... porque sua passagem pela terra não foi nada agradável... não pra ela!!!

***

:S