terça-feira, 30 de março de 2010

Livin' la vida loca!

Ricky Martin, como todos sabem, assumiu sua homossexualidade, mas ficam algumas questões. O cantor viveu há dez anos atrás o auge do sucesso mundial e depois viu o mesmo definhar, acabando por ter sua vida particular mais exposta do que seu trabalho. O fato de ter se revelado agora foi mais uma forma de aparecer ou uma tentativa de uma vez por todas de encerrar este assunto? Vivemos num mundo tão preconceituoso onde homens como Ricky não assumem sua orientação, apenas quando estão mais velhos e aí não precisam provar nada a ninguém.
De qualquer forma tendo sido publicidade ou não Ricky ajudará muitos jovens a entender melhor seus medos e anseios ou isto não significará nada?

16 comentários:

Edu disse...

É claro que alguns anos nas costas e alguns milhões na conta sempre facilitam o processo de se assumir. Mas amadurecimento é isso. Em suas entrevistas o RM sempre me pareceu verdadeiro e bom - um cara supimpa mesmo. E acredito quando ele diz que precisava viver a sua verdade apesar dos conselhos contrários dos amigos. Corre mais risco do que benefícios, sim. Por isso fico feliz que ele sirva de modelo - um de caráter, pra variar.

Wans disse...

Sempre quando alguém cuja visão é significativa se assume, é sinal de que as coisas estão melhorando. Muitos fãs de Rick M e do garoto do RBD devem ter conseguido no mínimo entender melhor o que acontece com eles e que não estão sozinhos. Isso já é muito!

S.A.M disse...

Achei interessante, ele foi simples nas paavras que disse e apesar de tudo nunca foi excentrico.

Tem meu apoio! rs

Adoro ele...

ManDrag disse...

Até parece que virou moda... hahaha

Dúvidas... sempre dúvidas em casos assim. Mas todas elas são plausíveis e talvez confirmáveis.

Pode até não ter tido nenhuma intenção promocional; mas o certo é que ela se verificará.

Encerrar o assunto de vez... sim, mas sempre haverá os sépticos incondicionais que irão olhar para o lado e não querer ver.

A maturidade traz a verdade e a premência da sua afirmação... isso me lembra que:
É preciso coragem para ser homossexual e mais coragem ainda (senão um pouco de loucura) para o afirmar publicamente.

Louvor ao Ricky pela sua exposição e... bem vindo ao clube dos assumidos!

Paulo Braccini disse...

Concordo que a maturidade facilita as coisas mas acho tb que as coisas continuarão do mesmo jeito ... ele não é a primeira celebridade que se assume nem será a última e o mundo continua o mesmo ...

de qualquer forma parabéns a ele ;;;

bjux

;-)

Guy Franco disse...

Claro, significa sim. Eu sempre me esqueço dos jovens. Eles têm esses problemas mesmo.

Mauri Boffil disse...

eu tinha achado o máximo... até ler a parte da biografia e vi que nessa vida de famosos, para estar em voga, tudo é marketing.

Dotados Big disse...

Ola aceita parceria? caso aceite adicionar meu link e me avisar que farei o mesmo. obrigado

http://dotadosbig.blogspot.com

Três Egos disse...

Eu não sei mais o que pensar sobre todo este homossexualismo, armário e mídia juntas! Enquanto isto vivo minha vida... rs

Gde beijo!

Ricardo disse...

Bom, querido, não sei se isso vai ajudar alguém... nem a ele mesmo.. o que resta é esperar!

Beijão!

Marcos Eduardo disse...

Depois de ver a vitória do Dourado no BBB, vejo que ainda muitas coisas precisam mudar no mundo, E PARA ONTEM!!! Concordo sobre a maturidade e que com muita grana, tudo fica muito mais facil para qualquer um... mas antes de tudo: assumir para si mesmo e estar bem com isso, eh sempre a melhor maneira para se viver.

Bjs. bjs. bjs.

Leandro K. disse...

cada um a seu tempo... ninguém precisa levantar bandeira pelso outros, na minha opinião... se ele quis fazer só quando não deve nada a ninguém (e esperou o momento marketeiro certo), bom pra ele. =)

São disse...

POis ainda bem que se assumiu finalmente!

Uma doce Páscoa com os seus.

Marcos Freitas disse...

Tenho certeza que esse ato dele ajudará muitas pessoas, assim como você frisou.

Robson Schneider disse...

Ei Serginho
Tomara que signifique um momento dele, de maturidade e libertação de medos e necessidade de aprovação... Ele demonstra uma busca grande por serenidade e acho que isso falou alto agora.Acho que é uma resposta mais pra ele mesmo do que para os outros.
Um grande abraço e feliz páscoa!

Luck® disse...

O Ricky ainda dá pano pra manga. Pelo menos pra mim, ele daria pra encher um guarda-roupa. Eu o considero sexy, belo... Minha completa perdição!

Graças ao destino ele nunca imaginará que eu sequer existo e, portanto, "minha perdição" não se concretizará.

Nota: Não é bem assim... Alguns outros garotos parecidos com ele e mesmo com outros tipos de beleza (intelectual, física, com jeito sensual) podem, sim, me causar o mesmo efeito.

Mas o Ricky é jovem ainda. Seu Unpluged foi um trabalho bem avaliado. A paternidade já o tinha posto de volta - ainda que não tanto - na mídia, ou seja, serviria para ir preparando o retorno do tesão - digo - do astro, ao ShowBusiness.

Lembrar que a calçada da Fama tem Ricky imortalizado e isto aconteceu na mesma época do acústico MTV.

Mas quero interromper esta argumentação e, começando por outro extremo, abordar que o perfil do cara dá mostras de que ele seria a eterna prostituta da mídia.

Mandar Bush de F... com o dedo, pode ter sido jogada, mas ainda assim, não é uma jogada usual quando se está em pleno sucesso e vivendo e lucrando no país deste presidente.

Aquilo foi também ousadia!

Algumas letras de Ricky mostram que ele já estava com um certo saco cheio e se questionando.

Em Asignatura Pendiente, consta:

"Tengo tres oficinas y un piso en New York
Y el rey Midas trabaja conmigo
Tengo varias razones para tener razon
De que no hay peor razon que el olvido

Si contacto al niño que fui
Tengo ganas de anclar
Y otras tantas de huir
A algún sitio perdido
(...)
Por andar ocupado en el cielo
Me olvide que en el suelo se vive mejor
Mi boricua, mi india, mi amor,
Mi asignatura pendiente..."


E Ricky recentemente já tinha dito que se apaixonaria tanto por mulher, como homem. Estou certo de que milhões de gays se rasgaram por dentro apenas com esta declaração.

Então por que assumir gay? Só por conta de uma tentativa de reerguer a carreira? Quanto tempo essa notícia o manteria no foco da mídia? Ingenuidade acreditar nisso!

Ricky me parece mais um cara satisfeito com o que conseguiu e ainda conseguirá, mesmo que em um nível mais modesto e quer, de verdade, ter uma vida menos hipócrita com inúmeras celebridades - ou pseudo-celebridades de um Verão - ousam ter.

Nada de Rock Hudson para ele. Nada de esperar os 90 anos.

E é tal o encantamento que ele ainda exerce que, se não fosse assim, nossos blogues estariam escrevendo sobre ele?

Ricky é médio (pra mim) como artista. Seus pontos são mesmo a beleza física, sedução e os seus quase 2 metros de altura (OMG!)

Mas para além disso é a crença de que ele se mostra não um mero joguete da mídia, mas alguém que tem sim, um limite para se deixar levar, é que me conquistaram inda mais.