domingo, 29 de agosto de 2010

Para os que amam e os que amarão

"Amor quando é amor não definha
E até o final das eras há de aumentar.
Mas se o que eu digo for erro
E o meu engano for provado
Então eu nunca terei escrito
Ou nunca ninguém terá amado."

William Shakespeare

19 comentários:

Guará Matos disse...

Se é de William Shakespeare, não precisa nada mais ser acrescentado.

Abraços.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Que bonito!
Shakespeare, sempre!
bom domingo meu amigo

FOXX disse...

bem, Shakespeare, como historiador sou obrigado a pensar que talvez ninguém nunca tenha amado.

Tiago disse...

E Shakespare consegue expressar as formas mais lindas de amor não é mesmo?

A mim só falta apaixonar-me..
Pq a literatura pra embalar tanta paixão já está na ponta da língua..

Abração querido!
Aparece!

HSLO disse...

Maravilhoso...lindo.

abraços

Paulo Braccini disse...

é Willian né? então ...

bjux

;-)

AD disse...

eu acredito na máxima que amor é agregar e não ceifar.

Speedy disse...

intemporal. abraço

Anónimo disse...

Lindo!!!

Wanderley Elian Lima disse...

Gostei e amei.
Bjux

Mélker Rúbio disse...

lindo...

ManDrag disse...

O amor não aumenta nem definha; apenas é.

beijos

Edilson disse...

Se é Shakespeare, o que dizer? Maravilhoso. Linda semana, abraços!

. intemporal . disse...

.

. Shakespeare,,, na mais assertiva visão do que nos é sensação .

. uma boa semana .

.

. um beijo, serginho .

.

ONG ALERTA disse...

Maravilhoso, beijo Lisette.

Glaukitos disse...

Lindo o texto!

"Love is in the air".

Arsênico disse...

Não há o que dizer... argumentar...

Shakespeare é tudo!

***

umBeijo!

;-)

Lord V. disse...

ai gente...
tdo mundo amando em blogsville!!!
atoron!!!

abraços
voy

Alexandre Lucas disse...

Jogo marcado!