quinta-feira, 29 de abril de 2010

Hitchcock presents

Há trinta anos atrás o mundo perdia um dos seus maiores gênios, o criador do suspense, Alfred Hitchcock. Sua carreira começou nos anos vinte onde ele fazia as telas de texto que identificavam diálogos de filmes mudos. Perspicaz aprendeu a escrever roteiros e a editar. Foi cenógrafo e assistente de direção. Seu primeiro filme se chamou The Pleasure Garden de 1925 e o sucesso veio no ano seguinte com um suspense baseado nos assassinatos de Jack, o Estripador, The Lodger: A Story of the London Fog. Vários sucessos depois (entre eles The 39 Steps) chamou a atenção do mega produtor David O. Selznick (de Gone with the wind) que o convidou para dirigiar Rebecca, uma adaptação da obra de Daphne du Maurier. A partir dai o diretor continuou uma bem sucedida carreira em Hollywood onde elevou o nome do realizador ao público. O cinema de Hitchcok era caracterizado pelo suspense. O uso da música e da cor como elementos da história foram criados por ele. Os dados eram mostrados ao púlico que sofria em não poder ajudar o personagem transformando o espectador em um voyeur. Pôs questões nunca bem aceitas como a homossexualidade e a frigidez em seus filmes. Gostava de fazer rápidas aparições como figurante em seus filmes criando uma divertida brincadeira que era procura-lo ao longo da projeção. Mesmo muito deles sendo filmes de suspense gostava de acrescentar o típico humor britânico. Nunca venceu um Oscar, foi indicado seis vezes e um pouco antes de morrer recebeu das mãos da Rainha Elizabeth II a Ordem do Império Britânico.
Spellbound, Rope, Dial M for Murder, Rear Window, To Catch a Thief, The Man Who Knew Too Much, Vertigo, North by Northwest, Psycho, The Birds,  foram alguns dos inúmeros sucessos do mestre que deixou muitos seguidores, mas nenhum herdeiro no cinema sendo considerado até hoje o maior diretor de todos os tempos.

terça-feira, 27 de abril de 2010

Astrologia

A astrologia e astronomia andaram juntas durante muito tempo e à medida que os acontecimentos no mundo surgiam eram comparados com os fenômenos celestes através da medida e do cálculo.
Ao longo da história mundial sempre houveram pessoas que se dedicaram ao estudo da astrologia. Muitos destes eram sábios conhecedores de matemática, biologia, medicina e filosofia.
Acredita-se que foi o faraó Ramsés XI um dos primeiros estudiosos, tendo sido responsável pela determinação dos signos cardinais (áries, caranguejo, balança e capricórnio). O surgimento da constelação de áries no céu coincidia com a separação das ovelhas dos carneiros; caranguejo surgia quando a luz solar era mais forte (verão no hemisfério norte) simbolizando o renascimento do sol.; em balança a colheita era pesada e vendida e no período de capricórnio as águas do Nilo começavam a subir e as cabras sob as águas lembravam o simbolo do signo.
Até o seculo V a astrologia teve grande avanço no Egito e também na Grécia apesar de divergirem com relação ao calendário utilizado. Ganhou força no ocidente tempos depois até cair em obscuridade durante a revoluçao industrial na Europa onde era confundida com magia e foram os ingleses que mantiveram seu estudo. Tempos depois volta a despertar interesse sendo revista sob aspecto da ciência moderna sendo estudada com seriedade. Antigos conceitos passaram  a ser revistos despertando interesse em diversas áreas como por exemplo a piscologia, medicina, química e física.

fonte: O livro de bolso da astrologia de Maggy Harrisonx e Mellina Li

segunda-feira, 26 de abril de 2010

O ano da Cher

Cher, que já anunciou diversas vezes sua aposentadoria, anunciou que retorna em uma nova turnê pelos EUA. Segundo ela a ideia é terminar a agenda de shows no Hotel Caesars Palace, em Las Vegas para em seguida partir em um novo show que reunirá clássicos e músicas inéditas que farão parte do novo cd que ela quer lançar ainda este ano além de um novo filme, o musical "Burlesque", a lado de Christina Aguilera.
Cher lançou até os dias de hoje em sua carreira solo 26 álbuns e 76 singles, totalizando aproximadamente 250 milhões de cópias vendidas no mundo inteiro. Ganhou um Oscar pelo filme Moonstruck e existe quem diga que foi uma retração da Academia por ela sequer ter sido indicada por Mask que lhe rendeu  um prêmio em Cannes. Além disto possui três Globos de Ouro e um Emmy. Em 2001 foi condecorada como a maior artista feminina de todos os tempos. É chamada de Goddess of Pop.

domingo, 25 de abril de 2010

Al Pacino

Al Pacino teve uma juventude pobre, mal tinha dinheiro para a condução mas começou a estudar tatro pelas mãos do genial Lee Strasberg (o mesmo preceptor de Marilyn Monroe, Marlon Brando, James Dean, Geraldine Page, Paul Newman, Eva Marie Saint, Jane Fonda, Robert De Niro e Dustin Hoffman por exemplo). Do sucesso no teatro para o cinema acabou sendo visto por Francis Ford Coppola que o convidou para The Godfather. A partir dai sua carreira deslanchou em filmes memoráveis. Esteve presente nas continuações The Godfather part 2 e 3, Serpico, Dog Day Afternoon, Scarface, Sea of Love, Dick Tracy, Donnie Brasco e The Devil's Advocate.
Ganhou o Oscar de melhor ator por Scent of a Woman.
Completa hoje 70 anos e é considerado um dos maiores atores americanos.

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Vapt-Vupt

Kiefer Sutherland deixou-se fotografar bêbado saindo de um clube de striptease em Londres;
Um juiz de Nova York condenou o filho de Michael Douglas a cinco anos de prisão por tráfico de drogas;
O irmão mais velho de Mo'Nique, pediu perdão publicamente no programa de Oprah Winfrey pelos abusos sexuais que cometeu contra ela;
Chega ao fim o casamento de Alexandre Pato e Sthefany Brito;
Michael C. Hall, segundo sua esposa está totalmente recuperado do câncer;

Bom final de semana!

segunda-feira, 19 de abril de 2010

E que venham mais 200!

Como dito no post anterior, aqui estão as respostas às suas perguntas.
Mais uma vez obrigado a todos que durante estes dois anos e duzentos posts depois marcam sua presença de modo cativante por aqui sempre de uma maneira justa.
E digna.

Edu: Como foi sua primeira vez?
Serginho: Muito abrangente esta pergunta... primeira vez em que?

Paulo: E essa paixão pelo cinema, em especial pelos anos dourados da sétima arte, de onde vem, como começou?
Serginho: Começou na infância quando via filmes antigos na tv. Adorava Marilyn Monroe, Vivien Leigh... todo aquele glamour e fantasia que não existia mais.

Arsênico: Que qualidade deve ter um homem para lhe conquistar?
Serginho: Acho que a qualidade é o que menos importa. Qualidades todo mundo tem. Todo mundo quer uma pessoa boa, mas defeitos ninguém quer ver quais essa pessoa tem e são com eles que vamos ter que conviver.
Mas este homem já me conquistou então não penso em qualidades ou defeitos. Amo e sigo adiante.
Arsênico: O que o motivou a fazer um blog?
Serginho: Eu lia o blogy* do Mans e posteriormente quando o Leandro criou o dele me incentivou a fazer um. Acabei sendo motivado pelos dois.

Wans: Conte para nós uma fantasia sexual já realizada.
Serginho: Mas eu nunca me fantasiei nem no carnaval!

melo: Você lava? Passa? Chuleia? Faz batata palito? Dorme (com) no emprego?
Serginho: Sim. Não. Não. Não. Não. E sim.

Guy Franco: Seu Cronenberg preferido.
Serginho: M. Butterfly

Marcos Eduardo: Você vê a vida pela janela do quarto ou da janela do trem?
Serginho: Nenhum dos dois. Vejo pela janela do avião!
Marcos Eduardo: Justiça e dignidade por Sergio Tavares, como são?
Serginho: Justiça é ter paz e dignidade é como diz o Lulu Santos, olhar a vida melhor no futuro!

Leandro K.: Cinema europeu ou yankee independente?
Serginho: Cinema europeu sempre!

RAFAEL: Você também detesta a Carolina Dieckmann... rs...
Serginho: Não. Ela é indiferente pra mim.

Marcos Freitas: Como foi a sua última vez?
Serginho: Como eu disse anteriormente, isto é muito abrangente, última vez em que?

São: Posso ir visitá-lo aí, em sua casa?
Serginho: Claro que sim e nem precisava perguntar!

Robson Schneider: Curte seriados americanos?
Serginho: Adoro!
Robson Schneider: Qual o top de sua lista (se gostar).
Serginho: Lost

Mauri Boffil: Minha pergunta é... vamos beber?
Serginho: Só se for agora!

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Agora é com vocês!

O post de hoje é diferente. Para comemorar o post 200 (e ainda dentro das comemorações de dois anos do blog) desta vez o entrevistado sou eu! E os entrevistadores são vocês, portanto podem me perguntar o que quiserem, responderei a todas as perguntas e sim, podem fazer mais de uma pergunta!
Beijão!

terça-feira, 13 de abril de 2010

Quem tem medo de Cidinha Campos?



Maria Aparecida Campos Straus, ou melhor, Cidinha Campos é uma jornalista, radialista e política brasileira. Trabalhou na Record, Globo e Tupi ao lado de grandes nomes da nossa televisão como Hebe Camargo, Walter Forster e Flávio Cavalcanti. Tornou-se a primeira correspondente internacional do Fantástico. Foi casada com o autor Manoel Carlos com quem teve uma filha.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

E que venham as novidades!

E a partir de hoje o People+Arts deixa de existir dando lugar ao Liv. O canal busca atingir o público feminino com a exibição de séries e reality shows. Entre as novidades temos, Life Unexpected, Mercy e Parenthood, Models of the Runway e NYC Prep.
Life Unexpected é um drama que conta a desventura de uma jovem ao reencontrar seus pais biológicos. Nos EUA é exibida pelo canal The CW o mesmo de Smallville, Superntatural e Gossip Girl. No elenco destaco o ator Kristoffer Polaha. Será exibida nas noites de segunda às 22 horas.
Mercy é mais um drama médico no estilo ER e Grey's Anatomy. Estreou na NBC no lugar de ER talvez com a intenção de buscar o púlico orfão da série que consagrou Mr. Clooney, entretanto foi um retumbante fiasco e há quem diga que não chegará a segunda temporada. Ao contrário das outras séries, esta enfoca a vida de três enfermeiras. Será exibida às terças. Esqueçam as moças. O destaque é o elenco masculino!
Parenthood é uma série derivada do filme do mesmo nome. Com Peter Krause de "Six Feet Under" acompanhamos a vida de uma grande família americana com seus dramas e comédias. Nos EUA é exibida desde março pela NBC e aqui será exibida quinta-feira às 22 horas.
Models of the Runway é um spin-off de Project Runway que será exibido nas noites de sábado. Aqui vemos o programa pela perspectiva das modelos.
NYC Prep acompanha a vida de estudantes de uma escola para ricos em Nova York. Uma espécie de reality show de Gossip Girl talvez. Vai ao ar às 18 horas no domingo. Nos EUA é exibido pelo canal Bravo.
Além destas novidades o canal trás algumas reprises que podem ser interessantes entre elas a série Judging Amy  nas noites de sexta-feira. Anteriormente era exibida pelo extinto Hallmark Channel, mas não teve boa repercussão e agora tem mais uma oportunidade para ser vista pelo público brasileiro. Conta a história de uma juíza, sua mãe e filha. Durou seis temporadas pela CBS nos EUA.
E para alegria de toda uma legião de fãs, Dawson's Creek volta depois de um hiato de reprises sendo exibida de segunda à sexta sempre às 20 horas logo após Charmed.
Vale salientar enfim a estreia da sexta temporada de Project Runway aos sábados e So You Think You Can Dance agora aos domingos.

sábado, 10 de abril de 2010

Há dois anos atrás...

...quando este blog surgiu eu obviamente não imaginei que chegasse tão longe. Que conhecesse tantas pessoas incríveis e muitas delas se tornassem meus amigos. Que encontrasse o amor. Que realmente laços pudessem serem criados aqui. Já havia tentado fazer outros blogs antes mas todos morreram meses depois. Este resiste, insiste, existe. O motivo? Não sei. Talvez porque desta vez encontrei as pessoas mais legais da blogosfera. Cada um de vocês que vem aqui todos os dias alguns mais do que os outros fazem este blog ser o que ele é. E hoje no aniversário dele eu tenho que agradecer a cada um de vocês por me fazerem rir, pensar, cantar, dançar, gritar, bater palmas.
Me emocionar.
A cada um de vocês meus agradecimentos eternos. Vocês não sabem o quanto mudaram e mudam a minha vida.

Obrigado.

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Everybody hurts



Vi no blog do Paulo que graças ao meu querido São Judas Tadeu se conscientizou e não poderia deixar passar pra vocês também.
Álcool e direção nunca combinaram. Se beber, por favor, não dirija!

terça-feira, 6 de abril de 2010

O Rio de Janeiro continua lindo?

Enquanto a cidade virou um verdadeiro rio (ou mar) já está na hora das pessoas (os governantes principalmente) pararem de procurar os culpados pela calamidade e tomarem as devidas providências!

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Hoje

Hoje Bette Davis faria 102 anos.
Hoje Gregory Peck faria 94 anos.
Hoje Spencer Tracy faria 110 anos.
Hoje Melvyn Douglas faria 109 anos.
Hoje Albert R. Broccoli faria 101 anos.
Nenhum deles está aqui para comemorar conosco, mas todos se tornaram lendas e vivem onde quer que estejamos.
Feliz aniversário. O cinema (e a gente) agradece.

A cor do horto gráfico

Recebi este email e como achei divertido quis compartilhar...

Dada a importância do texto e a ajuda de alguns elementos provenientes do Brasil e países africanos de língua oficial portuguesa, assim como do professor Carlos Reis e da escritora Lídia Jorge, aqui ficam as principais actualizações, perdão, digo atualizações.
Novas entradas:

Testículo: Texto pequeno
Abismado: Sujeito que caiu de um abismo
Biscoito: Fazer sexo duas vezes
Coitado: Pessoa vítima de coito
Padrão: Padre muito alto
Democracia: Sistema de governo do inferno
Homossexual: Sabão em pó para lavar as partes íntimas
Ministério: Aparelho de som de dimensões muito reduzidas
Eficiência: Estudo das propriedades da letra F
Conversão: Conversa prolongada
Halogéneo: Forma de cumprimentar pessoas muito inteligentes
Expedidor: Mendigo que mudou de classe social
Luz solar: Sapato que emite luz por baixo
Cleptomaníaco: Mania por Eric Clapton
Tripulante: Especialista em salto triplo
Assaltante: Um 'A' que salta
Ortográfico: Horta feita com letras
Destilado: do lado contrário a esse
Pornográfico: O mesmo que colocar no desenho
Coordenada: Que não tem cor
Presidiário: Aquele que é preso diariamente
Ratificar: Tornar-se um rato
Violentamente: Viu com lentidão

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Singin' in the Rain

Em "Singin' in the Rain", Don Lockwood (Gene Kelly) e Lina Lamont (Jean Hagen) formam o casal mais famoso do cinema mudo. Entretanto essa fama tem seus dias contados com a chegada do som. Isto não seria problema para eles se Lina Lamont não tivesse uma voz de taquara rachada. Don conhece a encantadora Kathy Selden (Debbie Reynolds) e se apaixonam. Seu melhor amigo Cosmo (o histriônico Donald O'Connor) aparece então com a ideia que poderá salvar a carreira de Don: que Lina seja dublada no cinema por Kathy!
Considerado por muitos como o maior musical de todos os tempos, é repleto de sequências que entraram pra história e imortalizaram seus atores. Todos eles tiveram em suas carreiras o antes e depois de "Singin' in the rain".

Este post é uma homenagem a pequena e grande Debbie Reynolds que faz 78 anos hoje e isto não é mentira!