quinta-feira, 7 de abril de 2011

Eu mesmo

Eu não sei escrever,
apenas rabisco palavras
soltas
que expressam parte
do que sou,
porque o que sou
na totalidade
guardo para
mim.

Wanderley Elian

Meu querido Wanderley posta textos dele ou de outros em seu blogue, mas todos sabiamente escolhidos. Difícil escolher apenas um, mas acho que este sintetiza o que muitas vezes gostaria de dizer aqui. Uma pequena justa e digna homenagem à este que sabe como ninguém rabiscar palavras, cuidadosamente. Carinhosamente.

11 comentários:

Diogo Didier disse...

O Wanderley é fantástico mesmo! seus textos são curtos, mas com profundas reflexões...esse que vc escolheu é PERFEITO!

bjoxxxxxxxxxx no coração!

Dan disse...

gostei! e me identifiquei!

Wans disse...

Atóron os dois.

Paulo Braccini disse...

Olha só! A Marida aqui sendo homenageada ... OMG! ... primeiro o AD dá uma encoxada nele e agora o Serginho vem tirar casquinha tb! OMG! Bratz Galheiro!!! kkkkkkkkkkkkkkkk

bjão querido

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

gosto muito do blog do querido Wanderley. sejam os poemas dele (q são ótimos) ou de outros, sempre são bons posts.
tudo na medida certa: alegria, tristeza, reflexão, humor, paixão.
a homenagem é mto valida!
bjs

Wanderley Elian Lima disse...

Menino que surpresa!!! Fiquei até sem fala. Obrigado pelo carinho. Você é um fofo.
Bjão

Edilson Cravo disse...

Bela homenagem ao Wanderley, ele tem um espaço de beleza, requinte e extrema delicadeza. Abraços Serginho, ele merece mesmo.

Fernand's disse...

lindo.

nosso reflexo nunca é 100% do que somos... afinal, nem 1% entenderia.


=)



bjsmeus, querido.

CIELLO disse...

Nossa... que bacana... vc é um cara muito carinhoso !!! obrigado desde jah pelas visitas nas cronicas.

ManDrag disse...

Quem rabisca assim sabe escrever.

Beijos

Antonio de Castro disse...

e eu bebi cerveja com ele.

parece mentira!