sábado, 13 de agosto de 2011

Manual das dez vantagens de ser pobre... e gay!

Neste pequeno manual você encontrará conselhos para que possa arrasar mesmo não tendo um único centavo para comprar purpurina.

1) É simples;
Você não perde seu tempo com grandes sonhos. Quem precisa ir no show da Madonna em Londres? Quem precisa de uma coleção da Dolce & Gabanna? E quem precisa de um diamante? O maior sonho que você vai ter é da padaria ou o Sonho de Valsa.
2) É valorizado;
Em um mundo cheio de bofes tão interesseiros, oportunistas e michês, somente os sinceros e verdadeiros vão querer seu cu.
3) É saudável;
Você tem praticamente uma vida de atleta: corre para alcançar o ônibus, malha para conseguir um lugar para sentar e corre para não se atolar no ônibus. Tampouco tem dinheiro para gastar com fast-foods.
4) É antiestressante;
Nenhum vendedor te liga para empurrar alguma coisa, tendo em vista que você não tem telefone fixo, só celular pré-pago e que apenas recebe.
5) É aliviante;
Com sua fama de bicha pão-com-ovo suas amigas penosas não te pedem dinheiro emprestado e dependendo do seu grau de pobreza nem amigas você tem.
6) É emocionante;
Você nunca sabe se o dinheiro vai chegar no final do mês e, se ele chegar, vai embora rápido sendo assim uma rotina muito imprevisível, cheia de emoções a cada momento.
7) É invejável;
Enquanto esse povo que viaja são barrados em aeroportos europeus, pegam trânsito no feriado, sofrem em praias lotadas, você descansa em casa durante as férias. Não que tenha algo para fazer...
8) É útil;
Você tem de trabalhar aos domingos para fazer hora extra e assim não precisa assistir Faustão ou Gugu.
9) É seguro;
Você quase nunca leva sua carteira quando sai pois ela está sempre vazia. Assim os trombadinhas vão passar quilômetros longe de você.
10) É gratificante;
Sem dinheiro você não vai comprar computador na Casas Bahia ou nunca vai fazer um curso de informática, sem o curso de informática você nunca vai saber o que é Lan House sendo assim nunca encontrará blogs ou textos idiotas como este!

Texto escrito não sei por quem, achado por ai, num grupo do caralivro. Quem souber o verdadeiro autor, favor avisar. Ou não.

10 comentários:

°'__ma®cø__'° . disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
que medo!!!

Raphael Martins disse...

Putz... bem bolado !!

Edilson Cravo disse...

Que dó que dó que dó..hahahahah.
Lindo fim de semana.
Abraços honey.

Junnior disse...

Não sei se são vantagens, mas tem muita gente assim que sorri mais.
E bem que vc citou algumas verdades.
Muito bom.
Bjks.

Em Meus Devaneios Desvairados disse...

Olá tudo bem? Achei o seu texto justo e digno, gostei muito do seu senso de humor, e de fato bens matérias não sou tudo, por mais clichê que seja o que importa é ser feliz e mais nada

Piettro Pimenta disse...

Nossa! me arrancou boas gargalhadas...

Latinha disse...

Definitivamente... Justo e Digno! ;-)
Boa semana!!! kk

. intemporal . disse...

.

.

. a____m____e____i .

.

. beijão . ão . ão .

.

.

Wans disse...

Eu ri alto.

Reginaldo disse...

Eu ri alto (2)..rs