quinta-feira, 24 de novembro de 2011

André Mans (Blogy* do Mans)

Ele canta, escreve o Blogy*, faz graça na net, é bonito, deve ter uma bundokinha linda, não sabe dançar, mas é um sucesso, por isto como não tê-lo aqui outra vez?

Serginho Tavares: O Blogy* é um sucesso. Isto foi algo que você se preocupou em fazer acontecer ou apenas ele aconteceu?
André Mans: O Blogy* simplesmente aconteceu e às vezes chega em pessoas que eu jamais pensaria "nossa ela tá me lendo". Mas mesmo desse pequeno acaso, eu fico matutando dia a dia como fazer dele um diário bacana para as pessoas refletirem sobre o quão necessário é o mundo pop, seja através de uma opinião idiota, bundokinhas marotas, artes lindas, músicas delicinhas ou sobre a filosofia do nada ou sobre o quão macho é o Luan Santana. Ah e eu não considero assim o Blogy* um sucesso, mas se você tá dizendo, acredito. Tenho projetos grandes para ele. Espero que em 2012, consiga viabilizá-los e tornar o Blogy* maior que a bunda da Nicki Minaj, alok!

Serginho Tavares: O universo pop é sempre leve e descontraído e muito bem retratado por você no Blogy*, quais outros blogs que também retratam o mesmo tema e que te inspiram?
André Mans: Eu amo a Cleycianne, apesar que nada por lá é leve e descontraído hahaha. Também acho incrível o "Que delícia né gente?", pra mim o melhor sobre o que acontece no mundo pop da música. O Papel Pop já foi melhor, mas ainda visita obrigatória, também para evitar de postar o mesmo assunto que eles postam.

Serginho Tavares: As críticas te ajudam a construir o Blogy* ou você não está nem ai para elas?
André Mans: Amo feedback, acho lindo! Agora se for pra xingar, sem defender sua crítica, cago montes. De qualquer maneira, pouca gente faz isso, será que sou intimidador?

Serginho Tavares: Quais artistas, músicas, filmes e séries de TV que você poderia dizer, tem a cara do Blogy*?
André Mans: Não sei se tem a cara do Blogy* mas vou destilar pra quem ando arrastando uma asinha: Adele, Kelly Clarkson, Robyn (uma artista que merecia muito mais sucesso que tem... tipo eu hahaha), o desprezo de Nicola Roberts, a fofurice da Cher Lloyd, Olly Murs e Kelly Key, que é muito incompreendida por todos. Na TV, The Middle, Glee e Modern Family (Chaves é série de tv?). No cinema, os filmes clássicos da Xuxa, brinks! Mas Três formas de amar, As patricinhas de Beverly Hills, Regras de atração, O Exorcista e Lua de Cristal são a espinha dorsal do Blogy*. Aliás, esse último assisti oito vezes e meia no cinema. Isso mesmo, teve uma meia vez.

Serginho Tavares: Até agora, qual o melhor momento ROLA pra você? Qual a melhor BUNDOKINHA?
André Mans: Melhor momento rola ever é o encontro globífero para aquela cantoria cafona de fim de ano que a Globo insiste em fazer. Bundokinhas campeãs até agora de 2011 (dos outros anos mal lembro) são a capa de revista com o close da bundokinha do James Franco e aquela foto que vazou da Scarlett Johansson, que até ganhou tumblr. Aliás, a bundokinha da Scarlett é algo que me impressionou e muito. Eita mulher boa!

Serginho Tavares: Você consideraria este um bom ano para o cinema, tv ou música? Quem ou o quê você destacaria?
André Mans: A TV anda dando de lavada no cinema e na música. American Horror Story é incrível, Glee é um fenômeno de mercado, entre outros. No cinema poucas coisas me marcaram mas Melancolia e 127 horas são fantásticos. Na música, nada conseguiu superar nesse ano Adele, entre ela e os demais há anos luz de distância no quesito qualidade, alma e sinceridade. Espero que 2012 seja melhor afinal Lana Del Rey tá vindo aí.

Serginho Tavares: Falando sobre você, André Mans, como está sua carreira musical? Você tem se voltado para seu trabalho como DJ na Espattyfaria, uma festa que parece tem movimentado as noites em Santos, certo? Nos fale mais sobre este trabalho e quando poderemos ver e ouvir mais do SomGlass.
André Mans: Bom, o Somglass acabou recentemente e estou ensaiando com banda, músicas e identidade novas, aguardemos. Sobre meu trabalho como DJ, nem considero assim trabalho, pois aquilo lá é tudo uma deliciosa brincadeira. Espattyfaria foi um conceito que criei para a minha festa de aniversário desse ano, no qual o povo amou e pediu mais. É tipo festa de amigos para os amigos dos amigos, onde todo mundo pode jogar o corpinho na pixxxta e perder o rebolado à vontade. É misturado, inusitado, grotesco e chique. Tudo ao mesmo tempo. Estamos trabalhando aos pouquinhos, para que a festa seja maior, mais legal e louca.

Serginho Tavares: Para você, o que falta para melhorar o cenário musical nacional e porque não vemos programas musicais interessantes na TV hoje em dia como tínhamos antes que ajudavam a lançar tantas grandes carreiras e a popularizar tantos músicos interessantes?
André Mans: Culpa do BBB, do Luan Santana e do Restart. É mania que o Brasil tem de sempre focar numa coisa só. Não sei como salvar isso, mas o cenário musical no Brasil tá um porre. Fato.

Serginho Tavares: Como gostaria de ser reconhecido no futuro?
André Mans: Como um cara que sabe fazer coisas bacanas, falar sobre coisas bacanas e viver de maneira bacana. E rico, claro.

Serginho Tavares: Qual poema, música, filme ou videoclipe você poderia dizer que resume o André Mans?
André Mans: Acho que nada ainda conseguiu me resumir. Nem eu saberia como, não sou texto para virar resumo hahaha.

11 comentários:

Paulo Braccini - Bratz disse...

delicinha esta entrevista querido ... bjão aos dois ...

;-)

alan raspante disse...

Ah, o Mans é muito fofo! Ouvi esses dias a música dele e fiquei encantado. Realmente, um cara multifunções. E, outra, tem como não amar o Blogy*? Acho que não...

Serginho, adorei a entrevista... Só te pergunto uma coisa: tu é jornalista mesmo?

Até mais =)

Edilson Cravo disse...

Serginho:

Acho o blog dele bem bacana. Muito antenado e com uma energia bem legal.
Parabéns novamente em conduzir uma entrevista tão relaxada e gostosa. Abraços honey.

Wans disse...

Eu não leio o Mans, mas ele é gato!

DPNN disse...

não conhecia o cara, nem o Blogy, mas gostei da entrevista e vou conferir o trabalho dele também.

Diogo Didier disse...

Mais uma contagiante entrevista, hein Serginho?! bjoxxxxxxxxx querido!

Luna Sanchez disse...

Ainda não conheço o blog do André, vou passar lá.

Bacana a entrevista, o moço é bom de bico, não?

=)

Beijos aos dois.

Ro Fers disse...

É sempre bom saber um pouco mais sobre as pessoas...
Admiro e curto de montão os Djs, como eu sonho em ser um, embora não tenho talento, meu negócio é admirar e entrar no ritmo...
Não conheço o blog dele, e não achei nenhum link... Acho que ando meio desligadão, tapado, vou procurar novamente...rs
Abraços

Nil Witchimichen disse...

A-MAY
Entrevista eu Serginho \o/
Oh. Wait... meu assessor ta dizendo que eu não devia ter dito isso.
Tem como editar?
Bju ^^

Andre Mans disse...

rumo ao estrelato
obrigado por gostar de mim
;D

AleX nObre ® disse...

O Mans é um fofo, o Blogy* é ótimo e eu amo os dois. Faria um menage no bom estilo "Três Formas de Amar". Uma mão na bundokinha é o suficiente para fortes emoções e erotismo. Alok!