sábado, 17 de agosto de 2013

Café da Manhã



 Amanhã de manhã
Vou pedir o café pra nós dois
Te fazer um carinho e depois
Te envolver em meus braços

E em meus abraços
Na desordem do quarto esperar
Lentamente você despertar
E te amar na manhã

Amanhã de manhã
Nossa chama outra vez tão acesa
E o café esfriando na mesa
Esquecemos de tudo

Sem me importar
Com o tempo correndo lá fora
Amanhã nosso amor não tem hora
Vou ficar por aqui

Pensando bem
Amanhã eu nem vou trabalhar
E além do mais
Temos tantas razões pra ficar

Amanhã de manhã
Eu não quero nenhum compromisso
Tanto tempo esperamos por isso
Desfrutemos de tudo

Quando mais tarde
Nos lembrarmos de abrir a cortina
Já é noite e o dia termina
Vou pedir o jantar

4 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

Vou me fartar desse café.
Bfs

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

isto não é um café ... é um churrasco completo ... q fome!!! rs

HOMOTOON disse...

^^ quero leitinho... (a devassa)

Miguell do Cristo disse...

Lindos versos :D